top of page

Funcionário de concessionária é detido após divulgar áudio difamando agente da PRF


Mensagem também alertava motoristas para evitar fiscalização que ocorria na BR-381 - Foto: PRF

Na última quarta-feira (31) os agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) detiveram na altura do quilômetro 666 da BR-381, em Perdões (MG), um homem de 41 anos, que é funcionário da concessionária que administra a rodovia.


A prisão ocorreu após os agentes receberem informações sobre um áudio divulgado via aplicativo de mensagens noticiando sobre uma fiscalização da PRF na altura do quilômetro 690, induzindo os caminhoneiros a se atentar para uma possível abordagem, prejudicando o trabalho de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal, além de proferir palavras difamatórias a respeito de um dos policiais que estava realizando o comando de excesso de peso naquele local.


Após averiguações junto à concessionária, chegou-se à autoria do áudio e os policiais efetuaram a sua detenção pela prática, em tese, do crime de difamação. Questionado, o autor relatou que havia gravado o áudio pela manhã e divulgado no aplicativo, em um grupo da região.


A PRF informou que, além da prática, em tese, do crime de difamação, o autor poderá responder também pelo crime tipificado no Artigo 265 do Código Penal, que trata sobre o atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública.


Diante dos fatos, o celular e o autor foram levados para a Polícia Federal em Varginha para os procedimentos legais.

0 comentário
bottom of page