top of page

Juntos pela Prevenção: campanha do Governo de Minas convida homens e mulheres à luta contra o câncer


Iniciativa lembra a população sobre a importância de realizar os exames preventivos e ter um estilo de vida mais saudável - Foto: Cristiano Machado

Em meio à rotina da movimentada Avenida Cristóvão Colombo, no coração da Savassi, Região Centro-Sul de Belo Horizonte, um detalhe em um ponto de ônibus chama a atenção. Centenas de post-its coloridos ocupam os painéis do abrigo de passageiros em frente ao número 104. Quem se aproxima, recebe uma mensagem importante: um lembrete para se proteger contra os tipos de câncer que atingem homens e mulheres no país, como os de mama e próstata.


A intervenção marca o início da campanha Juntos pela Prevenção, que aborda os temas relacionados ao Outubro Rosa e ao Novembro Azul. O objetivo é reforçar com a população a necessidade de manter os exames preventivos em dia e cuidar da saúde em geral.


Nas cores rosa e azul, os post-its na Avenida Cristóvão Colombo trazem lembretes para que homens e mulheres façam os exames, acompanhados de um QR Code que leva ao hotsite da campanha, que tem mais informações sobre formas de prevenção, sintomas e orientações sobre os exames disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS). Lá, há páginas específicas sobre saúde da mulher e do homem.


O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), busca chamar atenção para uma visão integral sobre a saúde, estimulando o autocuidado e recomendando a mudança de hábitos para um estilo de vida mais saudável.

Foto: Cristiano Machado

As doenças


O câncer de mama é o segundo mais comum na população feminina, apenas atrás do câncer de pele não melanoma, e, ainda, é o responsável pela mais frequente causa de morte por câncer no sexo feminino. Clique aqui e saiba mais.


Já o de próstata é o segundo mais comum entre os homens e, em valores absolutos e considerando ambos os sexos, é o segundo tipo mais comum do Brasil. A campanha em Minas Gerais também chama a atenção para os cânceres de colo de útero, pênis e testículos. Mais informações estão disponíveis neste link.


Homens e mulheres têm direito ao acesso à saúde integral, humanizada e de qualidade, livre de qualquer forma de preconceito ou discriminação por meio do


(Com informações da Agência Minas)

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page