top of page

Minas Gerais tem seis municípios em situação de emergência pelas chuvas


Desde a semana passada, técnicos da Defesa Civil atuam na reorganização dos municípios e atendimento à população nas localidades em situação mais crítica - Foto: Cristiano Machado

Seis municípios de Minas Gerais decretaram situação de emergência por conta das chuvas, segundo o boletim divulgado nesta segunda-feira (10) pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec-MG). Estão na lista Alfenas, Capetinga, Aracitaba, Alto Rio Doce, Lassance e São João del-Rei.


De acordo com o balanço, já são 405 pessoas desabrigadas, que necessitam de abrigo público, como habitação temporária, após danos ou ameaça de danos em suas casas. Outras 1.433 pessoas desalojadas foram deslocadas para as casas de parentes ou amigos por conta de efeitos diretos dos desastres. Até o momento, não há registro de óbitos.


A última ocorrência de destaque registrada pela Cedec foi no sábado (08) em Alpercata, no Vale do Rio Doce. Durante a madrugada, uma tromba d’água provocou alagamentos em diversos pontos da cidade, danificando ruas e provocando o desabamento de um imóvel. Segundo a Defesa Civil do estado, 150 famílias ficaram desalojadas. A prefeitura foi orientada a decretar situação de emergência e haverá necessidade de ajuda humanitária imediata com cestas básicas, colchões e água potável.


“Nós entramos no período chuvoso. Diferentemente do ano passado, ele foi iniciado em 21/9. Geralmente é a partir de 1/10. Vivemos uma instabilidade inicial e a tendência é que esta semana seja mais tranquila que a semana passada. No entanto, não estão descartadas situações de ventos fortes, chuvas fortes, principalmente nas regiões Central, Zona da Mata e parte do Triângulo”, alerta o coordenador estadual adjunto da Defesa Civil de Minas Gerais, tenente-coronel Sandro Corrêa.


Ações


Desde a semana passada, após tempestades em diversos municípios, o Governo de Minas disponibilizou técnicos da Cedec para apoiar as cidades atingidas.


Os municípios que necessitarem podem captar recursos para ações de resposta e recuperação das áreas afetadas mediante ao reconhecimento da situação de anormalidade declarada. A solicitação de reconhecimento deve ser feita via Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), assim como a solicitação de recursos federais para ações de resposta e reconstrução.


Em municípios em situação mais crítica, o Estado envia equipes da Defesa Civil que são responsáveis por dar suporte na reorganização do município e no atendimento à população.


(Com informações da Agência Minas)

0 comentário

Comentarios


bottom of page