top of page

Novo Ensino Médio abre espaço para a formação de valores e protagonismo dos estudantes mineiros


Uma das principais novidades é o currículo flexível. A ideia é que os alunos possam escolher a área de conhecimento de acordo com os seus interesses - Foto: E. E. Paschoal Comandutti

Os alunos que ingressaram no 1º ano do ensino médio em 2022 encontram novidades e uma etapa de ensino diferente da que antes era oferecida. É que neste ano foi iniciada a implementação do Novo Ensino Médio, com as mudanças previstas na Lei Federal nº 13.415/17. Os estudantes agora passaram a ter carga horária maior e podem escolher e se aprofundar em conhecimentos nas áreas formativas de interesse. Para possibilitar essas escolhas, a Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) organizou itinerários de aprofundamento que têm orientado o trabalho pedagógico do professor.


Neste novo modelo, a formação básica é alinhada aos Itinerários Formativos para atender os princípios da formação humana integrada ao protagonismo juvenil, proporcionando uma flexibilidade no currículo do aluno. É no Itinerário Formativo que o estudante pode vivenciar componentes curriculares diferenciados como o Projeto de Vida, que articula a construção de conhecimentos para a formação de valores e protagonismo do aluno, possibilitando a ampliação de visão de mundo, tomada de decisão, autonomia e responsabilidade.


A diretora de ensino médio da SEE/MG, Rosely Lima, explica como funciona o novo modelo. “A ideia é que os estudantes possam escolher e se aprofundar na área de conhecimento entre as oferecidas nas instituições de acordo com os seus interesses. O Itinerário Formativo está organizado por Unidades Curriculares que são disponibilizadas igualmente para toda a rede ao longo de todo o percurso, mas permite uma escolha anual de todos os estudantes a partir do segundo ano”, explica Rosely.


(Com informações da Agência Minas)

0 comentário

コメント


bottom of page