top of page

Oito pessoas são presas em Arcos por mineração ilegal


Oito pessoas foram presas pela Polícia Militar de Meio Ambiente em Arcos, durante a Operação “Mineração” Todos foram flagrados por mineração ilegal em área na zona rural. Mais de R$ 630 mil em multas foram aplicadas e 66 ferramentas foram apreendidas.


A polícia chegou até eles, após denúncias de que estaria ocorrendo mineração ilegal na área. Diversas pessoas trabalhavam na extração ilegal de quartzo. Picaretas, pás e outras ferramentas foram apreendidas.


Ao se aproximarem, os suspeitos tentaram fugir, mas durante a perseguição a pé, os policiais conseguiram alcançar e efetuar a prisão de sete garimpeiros ilegais, os quais estavam com ferramentas e sacos plásticos contendo pedras de quartzo extraídas ilegalmente.


No trajeto percorrido pelo grupo em fuga, os militares encontraram dezenas de ferramentas, vários sacos de fios de nylon contendo quartzo, uma bucha de maconha e duas motocicletas utilizadas no transporte dos minerais extraídos.


Dando continuidade às diligências, a polícia conseguiu identificar e realizar a prisão do agenciador da atividade ilegal. Pedras de quartzo extraídas ilegalmente foram encontradas no quarto do suspeito em um hotel.


– Pessoas presas: 8;

– Autos de Infração lavrados: 8;

– Valor total de multas aplicadas: R$ 633.564,00;

– Ferramentas apreendidas: 66;

– Entorpecentes apreendidos: uma bucha de maconha;

– Material apreendido: quatro sacos de fios de nylon contendo pedras de quartzo;

– Veículos apreendidos: 2;

– Aparelhos de telefone celular apreendidos: 7.

0 comentário

Comments


bottom of page