Paróquia celebra dia de São João Bosco

Festa acontece nesta segunda-feira, com missa e procissão.

A Paróquia de São João Bosco, em Oliveira, celebra nesta segunda-feira (31) a festa de seu padroeiro, com programação que inclui recitação do terço, missas e procissão. A novena preparatória teve início no dia 22 de janeiro e seu encerramento acontece no sábado (29). A comemoração já se tornou uma das mais aguardadas da cidade, especialmente para os moradores dos bairros próximos à igreja matriz, e por devotos do santo. São João Bosco, ou dom Bosco, como também é conhecido é o padroeiro dos jovens e dos estudantes e patrono da juventude.

De acordo com a programação, nesta segunda-feira haverá recitação do terço de Nossa Senhora em quatro horários. No período da manhã às 6h, 9h e durante a tarde às 15h e 18h30. Uma celebração eucarística com a participação de crianças está prevista para acontecer às 17h e a solene celebração eucarística na matriz tem horário marcado para 19h30. Logo após a missa haverá a procissão, passando pelas ruas Carijós, Tamoios, Caetés, Tupinambás, Inspetor Antônio Ramos, Abílio Machado Vargas e Avenida Coronel Benjamim Guimarães.

Os organizadores informam que neste domingo (30) haverá a venda e entrega de marmitex, em uma barraquinha montada na Rua Tupinambás. No cardápio arroz, tutu à mineira, frango, batata e salpicão. Preço: R$ 10,00. Logo após a procissão de segunda-feira será realizado o sorteio de um quadro com a imagem do santo entre as pessoas que participarem da missa solene.

João Melchior Bosco, mais conhecido como dom Bosco, foi um sacerdote italiano que nasceu em16 de agosto de 1815 no pequeno vilarejo de Colle dos Becchi, hoje Castelnuovo Don Bosco, nome dado ao lugar em sua homenagem. Ele morreu em Turim, no dia 31 de janeiro de 1888 e durante sua vida sacerdotal foi seguidor da espiritualidade e filosofia de Francisco de Sales e um fervoroso devoto de Nossa Senhora Auxiliadora. Proclamado santo em 1934, foi aclamado pelo para João Paulo II como o "Pai e Mestre da Juventude". É o padroeiro de Brasília, capital do Brasil.

Sobre o tema leia a coluna “De um ponto de vista”, na página 3 desta edição.


0 visualização0 comentário