top of page

Temporais já provocaram situação de emergência em 120 cidades mineiras


Defesa Civil de Minas alerta para chuvas intensas até próxima segunda-feira (09) - Foto: Marcello Casal Jr.

As chuvas intensas fizeram a 120ª prefeitura de Minas Gerais decretar situação de emergência no estado desde 21 de setembro, quando começou o período chuvoso 2022/2023.


Minas já registrou 14 óbitos neste período chuvoso, com 1.604 desabrigados e 7.463 desalojados. No momento, não há municípios com comunidades ilhadas ou hospitais comprometidos no estado.


No auxílio à população atingida, a Defesa Civil já arrecadou 4.295 cestas básicas, 1.071 colchões, 1.159 kits dormitório (fronha, travesseiro e cobertor de casal), 1.996 kits de higiene (sabonete, papel higiênico, absorvente, creme dental e escova de dentes) e 3.798 itens avulsos como água sanitária, vestuário, água mineral, álcool em gel, lonas, kits de limpeza, itens alimentícios e fraldas, entre outros.


A Defesa Civil alerta a população para a possibilidade de chuvas fortes até a próxima segunda-feira (09) nas áreas a centro-sul e oeste de Minas Gerais, com um volume pluviométrico acima de 100 mm. Os maiores volumes são esperados para as regiões Sul, Campo das Vertentes, Zona da Mata, Triângulo Mineiro, Noroeste, metropolitana de Belo Horizonte e Central. Já de 09 a 16 de janeiro, a tendência é que as chuvas mais expressivas sejam registradas no Sul, Triângulo, Oeste, Campo das Vertentes e região Noroeste.


A Defesa Civil pede que a população fique atenta a sinais que antecedem deslizamentos de terra como rachaduras nas paredes, portas e janelas emperradas, árvores e postes inclinados.


Para receber os alertas meteorológicos da Defesa Civil, basta se cadastrar enviando uma mensagem de texto (SMS), com o CEP, para o número 40199.


(Com informações da Agência Minas)

0 comentário
bottom of page